Rádio Som de Deus



Lançado em: 08-12-2017

A espera e a vigilância: preparando os caminhos do Senhor

Uma meditação sobre o 2º domingo do Advento
 

1ª Leitura - Is 40,1-5.9-11

Salmo - Sl 84,9ab-10.11-12.13-14 (R.8)

2ª Leitura - 2Pd 3,8-14

Evangelho - Mc 1,1-8

 

A espera e a vigilância: preparando os caminhos do Senhor

Meus irmãos e irmãs, celebramos hoje o 2º domingo do Advento. O tempo do Advento possui duas características principais: a preparação para o Natal e a comemoração da primeira vinda do Filho de Deus com a expectativa da sua segunda vinda, ou seja, nos lembra do nascimento de Jesus e, ao mesmo tempo, exorta-nos à vigilância na espera da segunda vinda de Jesus.

Na primeira leitura, extraída do livro do profeta Isaías, o povo estava no exílio da Babilônia e a cidade de Jerusalém estava destruída. Deus, através de Isaías, consola o seu povo e, ao mesmo tempo, dar-lhes uma boa notícia: o povo que estava no exílio terá um caminho de volta sem obstáculos e sem tropeços, porque a glória do Senhor, que se manifestou no êxodo do Egito, também se manifestará agora, pois, Deus age com alento que vivifica e com a palavra que cumpre. Isso se realizará quando o arauto vim pelo deserto anunciando a chegada próxima do Senhor, que confirmará a aliança feita com seu povo. Como nos dias do Egito, também no fim do exílio babilônico Deus, reconduz o seu povo através do deserto.

Na segunda leitura, extraída da segunda carta de São Pedro, encontramos o segundo escrito (o primeiro é a primeira carta) de Pedro que relembra o povo que o dia do Senhor pode tardar, mas chegará e, para isso, todos devem estar preparados e atentos para a chegada desse dia. Essa chegada será caracteriza pelo fogo, ou seja, será um dia de purificação aonde os bons serão separados dos maus, portanto, quem for fiel e vigilante fará parte do “novo céu e da nova terra onde habitará a justiça” (v.13). O tempo de Deus é diferente do nosso, tem outra medida (“aos olhos de Deus, mil anos são como o dia de ontem que passou” [Sl 90,4]); o atraso se deve à paciência de Deus que dá tempo para a conversão (Sl 11,23) e, assim, deseja a salvação de todos. Nesse sentido, a chegada será repentina e o cristão com a sua conduta, se quiser fazer parte desse novo céu e nova terra, terá que esperar e vigiar.

No evangelho, extraído de São Marcos, encontramos João Batista que anuncia e, ao mesmo tempo, prepara os caminhos do Senhor. João Batista é o enviado (“enviarei na frente meu anjo” [Êx. 33,2]), é o arauto (Is 40,3) que prega no deserto (o deserto na Bíblia significa lugar do caminho de volta para Deus) um batismo de arrependimento, que se expressa na confissão pública dos seus pecados (“propus confessar meus delitos ao Senhor” [Sl 32,5]), para obter o perdão de Deus. Nesse contexto, o batismo é o rito que representa e sela a reconciliação com Deus. A proclamação de João Batista, o arauto do Senhor, é a chegada de outro com mais autoridade do que ele, ou seja, Jesus que virá e trará um novo batismo: não de água que limpa, mas do Espírito Santo que vivifica e consagra.

Portanto, a liturgia da Palavra de hoje nos convida a preparar os caminhos do Senhor. Ele nos assegura que está atento as nossas tribulações, sofrimentos, angústias, temores e desesperos e promete-nos que virá em nosso favor (primeira leitura). Enquanto Ele não vem devemos confiar, esperar e vigiar, contudo, sem se deixar seduzir pelas tentações das coisas/pessoas que não são arautos d’Ele (segunda leitura). Para bem acolher a vinda do nosso Salvador é necessário se purificar, ou seja, permanecer em uma conversão contínua (evangelho), pois Ele virá e nós não sabemos nem o dia e nem a hora.

Peçamos a Virgem Maria, aquela que soube esperar e esperando foi anunciar/testemunhar a Isabel, sua prima, a maravilha que Deus fizera em sua vida. Também nós, eu e você, somos convocados, a exemplo de Maria, a testemunharmos que Deus fez e continuará fazendo obras grandiosas em nossas vidas. Acredite! Testemunhe! Assim seja! Amém.

 

Autor: seminarista Ícaro Marcos Soledade Oliveira

Revisão ortográfica: Nelmira Moreira




5 Últimos Lançamentos

Jesus, Maria e José - Minha família vossa é! - 31-12-2017


A Casa de Deus - 22-12-2017


Cristo vem - 16-12-2017


Vigiar, esperar e confiar! - 01-12-2017


Jesus, pastor e rei! - 23-11-2017


Rádio Som de Deus
Uma grande expressão de fé e louvor do povo de Deus da Arquidiocese de Feira de Santana-BA.
Copyright © 2016 - Rádio Som de Deus
Todos os direitos reservados