Rádio Som de Deus



Lançado em: 12-02-2017

Sedes Perfeitos!

Sedes perfeitos!

Nas últimas décadas, as inovações tecnológicas, como o computador, a internet, o celular e muitas outras, trouxeram ao mundo um avanço extraordinário. Isso somos obrigados a reconhecer. Porém, não desqualificando as qualidades desses avanços, também somos obrigados a reconhecer que eles trouxeram “malefícios”, tais como, a alta do desemprego (lembre: o homem, com a revolução industrial, começa a ser substituído pela máquina), elevação da fome e do índice de pobreza, dentre muitos outros.

Atualmente, o homem é convidado a cada dia, aperfeiçoar-se, qualificando-se principalmente para o mercado de trabalho. Hoje, as vagas de emprego exigem dois pré-requisitos: qualificação e experiência. Na busca do trabalhador perfeito, diversos cursos profissionalizantes e tecnicistas foram instaurados, abrindo assim, um horizonte de aperfeiçoamento.

Na vida cristã, o ser humano também é convidado à perfeição, lembre: “Sede perfeitos, como vosso Pai celeste é perfeito” (cf. Mt. 5. 48). A perfeição pregada por Jesus consistia, antes de tudo, numa prática presente no Antigo Testamento (“amarás o teu próximo, como a ti mesmo” [cf. Lv. 19, 18]), porém, com um acréscimo: “amai os vossos inimigos e rezai por aqueles que vos perseguem” (cf. Mt. 5, 44).

Nessa perspectiva, para ser perfeito, no Reino de Deus, é preciso superar os limites, ou seja, é necessário amar sem reservas e sem limites, pois, “se alguém diz que ama a Deus, mas odeia o próprio irmão, é mentiroso” (cf. 1 Jo. 4, 20).

Por vezes, amar o irmão já pode ser para nós uma “tarefa” pesada imagine amar os inimigos?

Desde o Antigo Testamento, havia a cultura do “olho por olho, dente por dente” (a lei do Talião) e nós também crescemos numa cultura em que muitos pais falam para os seus filhos: “se você brigar na rua e apanhar, quando chegar em casa leva outra surra”. Jesus denuncia tudo isso! Ele não aceita esta forma de tratar os nossos desafetos. No Reino de Deus não há espaço para quem se encoleriza com o seu irmão (lembre a última meditação).

Portanto, para sermos perfeitos é necessário que o ódio, o rancor e a mágoa cedam espaço para o amor, o carinho e a solicitude. O que Jesus nos pede não é fácil. Também não é impossível. A perfeição que Ele nos pede consiste amar em nome de Deus, ou seja, um amor pleno. O fiel e bom discípulo é aquele que segue os passos do mestre e, como canta o Pe. Zezinho, “o que preciso para ser feliz? Amar como Jesus amou, pensar como Jesus pensou, viver como Jesus viveu”.

 

 

Autor: seminarista Ícaro Marcos Soledade Oliveira

Revisão ortográfica: Nelmira Moreira




5 Últimos Lançamentos

As imagens do ressuscitado - 20-04-2018


- 20-04-2018


Jesus, Maria e José - Minha família vossa é! - 31-12-2017


A Casa de Deus - 22-12-2017


Cristo vem - 16-12-2017


Rádio Som de Deus
A RECOMEÇAR esteve nesta última segunda-feira (22/05), na cidade de Santa Rita de Cássia - BA, realizando o Show de Encerramento dos Festejos da ...
Copyright © 2016 - Rádio Som de Deus
Todos os direitos reservados